Como fazer um moodboard para festa

Como fazer um Moodboard para Festas Infantis

Saber como fazer um moodboard para festa é uma "mão na roda"

Você já se perguntou como apresentar ideias para seus clientes sem precisar fazer um projeto de decoração? Pois é, aprender como fazer um moodboard para festa é uma técnica muito eficiente muito eficiente que vai te ajudar muito na apresentação das suas ideias para seus clientes. Além disso, é muito barato!

Primeiramente, você já ouviu falar em moodboard?

Antes de mais nada, quando eu me formei em design de interiores, logos depois que havia desistido da minha carreira de advogada, estudei muito e descobri que apresentar um projeto de decoração de interiores para um cliente em potencial pode ser uma tarefa bastante complexa. Por isso, em uma primeira reunião com o cliente, ao invés de apresentar o projeto em si, até porque eu corria o risco de perder o negócio, eu apresentava um moodboard.

Vou te dizer uma coisa, apresentar um moodboard era uma estratégia (quase) infalível para ganhar a confiança e a credibilidade do cliente, fechando o negócio após a apresentação.

Em resumo, o moodboard nada mais é do que um painel de referência que mostra para o cliente o conceito visual e o caminho que você pretende seguir no projeto dele. Esta técnica, como eu disse anteriormente, é muito utilizada em design de interiores, arquitetura e também no segmento de moda. 

Como fazer um Moodboard para Festas Infantis

O mais interessante é que quando eu fazia o moodboard ele era feito com colagens de revistas. De fato eu simplesmente adorava! Preparava um painel de cortiça, recortava as referências que eu queria para cada projeto e pregava com alfinetes coloridos. Em suma, ficava super descolado e os clientes amavam.

Uma pena eu não ter nenhuma foto daquela época. Afinal, isto aconteceu há mais de 15 anos. Mas abafa essa parte da história (risos).

Nesse meio tempo, muito tem se falado sobre fazer um moodboard para Projetos em Festas Infantis. Eu acho super bacana, se bem que, sinceramente, eu nunca fiz e conheço muita gente que também não faz e tem empresas há muitos anos. 

Uma opção ao projeto | Como fazer um moodboard para festa

Há algum problema nisso? Sinceramente não! Por outro lado é importante lembrar que hoje o cliente compra muito mais a experiência que ele tem do que o que ele está levando de fato. Por isso, quanto mais você oferecer para ele, melhor.

Fazer um projeto sem ter um contrato fechado com o cliente é um risco! Já que ele pode “pegar” suas ideais e levar para o seu concorrente. Saiba que isso é mais comum do que você imagina. 

Para quem trabalha com projetos eu sempre aconselho nunca mandar nada por e-mail. Para apresentar projetos é necessária uma reunião pois você precisa explicar tudo para o cliente com a finalidade de tentar se resguardar um pouco. Mas saiba que nunca um projeto garante uma festa fechada. Por isso, aprender como fazer um moodboard para festa vai te ajudar.

A hora certa do moodboard!

É aqui que ele entra! Ao invés de você já entregar de cara um projeto para o seu cliente, você pode começar fazendo um painel de referências bem bacana e apresentar para ele. De fato é uma excelente maneira dele perceber que você é diferente da concorrência, além de entender um pouco do seu processo criativo que hoje em dia está em falta no mercado. Isto é, a famosa geração “ctrl+c e ctrl+v“. Copiam tudo de todos!

O painel de referências serve tanto para ser feito antes do projeto em si quanto para substituir o projeto. Por certo, quem defini isso é você. Entretanto, você deve estar se perguntando: “-Por onde eu começo?

Não se preocupe! Com o fim de te ajudar, eu preparei algumas dicas de como eu fazia na época como designer de interiores, adaptei e dá para ser perfeitamente aplicado em festas infantis. Aqui vão elas:

1. Por onde começo? | Como fazer um moodboard para festa

Para que você comece a montar o seu painel de referências, você precisa partir de algum lugar. Certamente, existem muitos fatores que você pode levar em consideração para montar seu moodboard de festas infantis:

  • Tema da festa
  • Cores
  • Frases
  • Peça decorativa
  • Itens de natureza
  • Bichos
  • Comidas
  • Bebidas
  • Texturas
  • Formas

Se você quiser, você pode escolher mais de um fator. Mas lembre-se de manter a ideia principal sem dispersar do seu ponto de partida.

2. Pesquisa e seleção | Como fazer um moodboard para festa

Chegada a hora de correr para a frente do computador. Você pode pesquisar no Google ou no Pinterest. O segredo de uma boa pesquisa não é somente aonde pesquisar mas sim como pesquisar.

Procure por palavras chaves não somente em português. Quando faz uma pesquisa em inglês, por exemplo, as chances de encontrar mais referências é muito maior. Ou seja, abuse deste recurso principalmente se você manda bem na língua do “Tio Sam”.

Lembre-se do seguinte:

Você deve procurar inspirações não apenas no tema de festas, como também em arquitetura, moda, quartos infantis, alimentos e o que mais sua imaginação mandar. Quanto mais diferente do assunto festas você procurar, mais rico, divertido e criativo ficará o seu moodboard. Portanto, você deve começar a olhar para os lados de uma forma diferente, com uma visão diferente, um outro olha. Por exemplo, vitrines de loja são uma excelente fonte de inspiração.

3. Escolha o tipo | Como fazer um moodboard para festa

Num mundo completamente digital, você pode pensar que aprender como fazer um moodboard  para festa basta usar algum programa de computador, certo? Não necessariamente!

Você pode montá-lo de forma virtual ou também pode montar um painel de referências físico, ou seja, com recortes e materiais. Certamente dá mais trabalho, mas é uma forma muito personalizada de você apresentar este projeto.

Se preferir, pode misturar os dois conceitos pois hoje em dia é muito mais difícil termos revistas em casa e comprar para recortar pode não ser uma boa.

Quer uma sugestão? Faça um painel com fotos e uma pasta com vários elementos, como papéis coloridos, amostras de tecido, amostras de fitas, outros elementos (ex.: botões coloridos, elementos naturais (flores e folhas).

Ficará irresistível! Seu cliente vai amar.

4. A montagem | Como fazer um moodboard para festa

Depois de tantas referências, é hora de montar seu painel semântico. Não há um limite de referências, mas pense que quanto mais coerente ele for com o seu ponto de partida, mais fácil do cliente entender. Mas atenção, tente se manter em um mesmo conceito e estilo. Por outro lado, você pode apresentar duas propostas de moodboards com estilos distintos. Dessa forma você ajuda seu cliente na decisão de escolha.

Para te ajudar a construir seus primeiros painéis digitais, existem alguns sites e programas que podem te ajudar bastante e que eu particularmente gosto de usar por ser bastante fácil:

5. A apresentação | Como fazer um moodboard para festa

Você caprichou, trabalhou bastante, está super feliz com o seu moodboard, certo? Logo, seu primeiro impulso é enviar pelo whatsapp ou e-mail para o seu cliente. PODE PARAR TUDO!

Não faça isso nunca na vida. Dessa forma, seu cliente pode olhar e achar que você é completamente maluco (risos). Afinal, você precisa contar todos os porquês do seu painel para que ele realmente entenda o conceito e todo o seu processo criativo envolvido naquele trabalho.

Lembra-se do que eu sempre digo, você não vende festas, vende emoções! Sendo assim, todas as emoções devem estar muito evidentes dentro do seu moodboard.

It’s showtime! É a hora do show! Explique tudo, estimule a imaginação do cliente, mostre seu talento e criatividade. Dessa forma, as chances de você fechar com o cliente são enormes. Afinal, você está gerando muito valor para este cliente. Ele vai achar que você é o máximo e diferente de toda a sua concorrência.

E sabe o que isso significa? Você se destaca da multidão, fica incomparável e por isso consegue cobrar mais pelo seu trabalho. Sacou?

Agora, segue alguns outros exemplos para te inspirar a arrasar na sua próxima criação (fonte Pinterest.com, clique para ampliar):

Gostou?

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Tati Ulhôa

Tati Ulhôa

Decoradora e empreendedora do mercado de festas desde 2004,auxilia milhares de seguidores através do maior e melhor canal do YouTube para quem deseja crescer na profissão.

Deixe o seu comentário...

Me chama!
Scan the code